Vamos concretizar um sonho! Vota Luís Pingu Monteiro!

Nov
21

Olá amigos!

 

Depois de 12 h de viagem e após uma gelada cerveja tomada em Mendoza com nativos Mendozianos na noite anterior, seria de esperar que o acordar não fosse assim lá muito pacífico… Enganem-se!! Fiiquei super surpreendido pela genica dos marmanjos que desde logo se mostraram preparadíssimos para atacar o acampamento base do Aconcágua em plena cordilheira montanhosa dos Andes.

 

Seguimos de carro pela Ruta Nacional nº 7 em direcção a Oeste, na verdade em direcção ao Chile, que fica exactamente atrás dos Andes… Da cidade já se podia observar a imponência daquelas montanhas, mas nada nos podia preparar para o que nos esperava!! Eu já tinha feito os Andes, mas desta vez, de carro, acreditem, é uma experiência bem diferente!

 

Estávamos numa estrada que ladeava vales rodeados de majestosas montanhas com uma surreal imponência, isto durante quilómetros e quilómetros e quilómetros…O Paulo fora da janela do carro deliciava-se com a máquina fotográfica, o Toni, idem com a máquina de filmar, o Marco a conduzir parecia um solitário do asfalto, a vibrar com cada curva, com cada ultrapassagem, um autêntico Fanj!! De repente aparece um lago cuja cor assim esbranquiçada denunciava que seria água bem gelada proveniente de algum glaciar lá em cima, bem alto nas montanhas… Brutalíssimo!

 

 

 

Ao chegar a Puente del Inca, na base da entrada do parque Natural do Acongágua, apercebemo-nos que a estrelinha da sorte estava do nosso lado… e porquê perguntam vocês ? Ora leiam...

 

Para tirar uma grande foto, o Marco resolveu colocar a sua máquina fotográfica xpto em cima do carro. Ligou o timer, e começou a correr para nós que fazíamos pose na placa que assinala a entrada do povoado…

De repente, tudo ficou em câmara lenta….a câmara rolou para a esquerda e começou a cair em direcção ao chão com a objectiva bem apontada à berma da estrada completamente cheia de pedras… Antevia-se o pior…adeus objectiva, adeus fotos do Aconcágua…o Marco vira-se, corre como um louco tresmalhado….eu com as mãos na cabeça, impotente a 10 m de distância, observo a catástrofe a segundos de acontecer..…foi quando, por pura sorte, a 20 cm do chão a alça da máquina prende-se na entreaberta porta do carro, e simplesmente pára… Meus amigos..QUE FESTA FIZEMOS!!! Ficámos parvos, mas felizes, e acabámos por tirar a foto na mesma !! Tuga não desiste! :)

 

Prontinhos para a subida, entrámos no parque Natural Aconcágua, já a 2400 m de altitude e começámos a subir…A paisagem era deslumbrante, os trilhos iniciais brutais, a moral estava elevadíssimo, e continuámos ao longo do rio que por sinal nasce no Aconcágua…. Esta parte inicial era pacífica, estávamos cheios de força, genica e vontade de descobrir aqueles vales, montanhas e tirar as melhores fotos possíveis, mas uns minutos depois, começou a verdadeira subida…

 

 

Amigos, quando digo subida, é subida mesmo, não é cá uma subidazita.. é bota subida nisso!!! A não ajudar estavam trilhos por vezes cobertos de pedras, com brutais inclinações, umas vezes com terra, outras com areia, com desníveis acentuados, super irregulares, e não fosse tudo isso, ainda começámos a sentir os efeitos da altitude, com algumas dores de cabeça…

 

A nossa passada era tranquila e regular, mas lá para trás acabaria por ficar sempre um elemento do nosso quarteto fantástico por quem acabávamos invariavelmente por esperar inúmeras vezes...O Toni, sim, o grande Toni estava literalmente com os bofes de fora! lol ! A subida estava a ser muito agressiva, e nem o facto do Marco já lhe levar a mochila o impedia de praguejar em cada frase! lololol 

 

Não havia volta a dar, não dava para voltar para trás…tínhamos de subir até ao acampamento base, chamado Confluência, fixado a 3300 m de altitude, onde iríamos pernoitar e onde teoricamente teríamos comida, reservada com um tal senhor Carlos Acuna, um senhor que por lá vive e trabalha (conselho do caríssimo amigo Paulo Alves).

 

Contra todas as minhas expectativas de chegar antes de anoitecer, pumba, passito a passito, atraso com atraso, a noite surgiu rapidamente e nem com o acampamento a 300 metros e já visível, o Toni se mostrava disposto a sorrir! Lol! Estava literalmente em sofrimento, mas nunca, nunca o abandonámos e acabámos todos por chegar e atingir o objectivo inicial, chegar a Confluência!!!

 

Sem nada no estômago, eram 21h e não havia sinal do sr. Carlos Acuna no acampamento…Após alguma insistência, descobrimos que ele na verdade já estava na sua pequenina tenda a descansar... Foi então que da parte de fora da tenda, tentamos dialogar com ele…

 

Tugas: - Carlos Acuna 1?

nada…

Tugas: - Carlos Acuna 2? 

nada…

Tugas:  Carlos Acuna 3? 

CA: - Siiiiii

Tugas: - LLegámos agora, tenemos resierva para dormir e comer

CA: - La tienda está aí, usem las camas

Tugas: - Pêro e manjar ?

CA: - No ai nada , termina à las 19h

Tugas: - Estamos esganados de fome!!!

CA: - No ai nada!.....

 

Indignado com tamanha afronta, finalmente o sr. levanta-se, veste-se e vem cá fora, onde nos indica a tenda e os colchões onde poderíamos dormir…Eu vou atrás dele de regresso à tenda e enquanto os meus compinchas se "instalavam" não desisti…

 

Tugas: - No tienes pan ? Algo para comer que nos habemos pago!!!

Carlos Acuna rosna e após muita insistência diz-me…

CA: - Diez Mminutos e a comida estará aí servida, se não estiverem ai azar!

Tugas: - Gracias!lol

 

Quanto ao que ele nos serviu, o Toni ainda hoje classifica como Grotesco!, mas eu cá até não desgostei da espécie de  bife com puré de milho!!lololol

 

 

 

 

Com dores de cabeça enormes, benurons e aspirinas tomados, fomos dormir para a mega tenda em forma de semi-esfera…e meus amigos..que frio estava!!!! Nem de pijama, nem vestido com a roupa normal, dentro do saco cama, foi mesmo uma noite complicadíssima, para quem estava estafado da subida inicial…O que vale é que a meio da noite, uma ida à casa de banho cá fora é inesquecível..o céu é indescritível :)

 

Amanhã seria outro dia, o dia de tentar subir mais e ir até plaza Francia..um desafio upa upa dado que este ponto se encontra a 4250 metros de altitude...a ver se o médico nos autoriza a subir, a ver se a nossa cabeça aguenta a pressão advinda da grande altitude..

 

Bjs e abraços,

Luís M.

 
PS: Fotos aqui!!!

 



publicado por Rumo Antárctica às 06:54
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

5 comentários:
De João Monteiro a 17 de Fevereiro de 2010 às 10:25
Pois é mano, tu e os teus amigos sobem, sobem mas o que é verdade, é que vocês já subiram o que tinham para subir, vocês estão no topo! Um dia, quem sabe, também andarei nessas aventuras com os meus amigos/ futura namorada (Alguém?) Lol.... Abraços mano e diverte-te!


De Günther a 17 de Fevereiro de 2010 às 10:27
Olá Luís.

Depois de um feriado de trabalho, e uma noite mal dormida, só a leitura das tuas aventuras para me fazer rir hoje de manhã ! Até a Ana comentou "estamos bem dispostinhos hoje!"... nem por isso... estou me a divertir com as narrativas do Luís.
A cena da máquina fotográfica, até a mim a milhares de quilómetros, me deu um frio na barriga... e o jantar deu-me fome :-D

Um grande abraço, e muitos objectivos bem sucedidos !

Günther


De Afilhota a 17 de Fevereiro de 2010 às 21:18
Hehehehe, que bom que a camara ficou presa!!! Adorei ver as fotos!
FORÇA TONI!!!! Vais longe!!!! lol

beijinhos a todos!


De Fufurufufu a 17 de Fevereiro de 2010 às 23:15
Hey aventureiros!! Escrevam muito e continuem assim. Estão a animar portugal inteiro... há quem veja novelas, outros séries, mas todos vao ler as vossas histórias antes de ir dormir... voces são o vitinho dos tempos modernos!!! =)

(também quero viajar nesse balãooo aõooo) :)


De Pati a 18 de Fevereiro de 2010 às 00:34
Ó Tonichaaaaaaa....lol
Bem o que eu me ri com a cena da máquina, a tentar imaginar a cena e a festa de alívio que fizeram...Era espectacular que a máquina, na sua descida vertiginosa, tivesse disparado e registado as vossas caras de pânico.....lol.....Por bem, tudo acabou bem... :)
Força para todos..
Bjinhos da Presidente da Junta....lol


Comentar post

Twitter
A bela faixa para o vosso blog!
Para introduzirem a faixa do rumoantarctica no vosso blog, basta adicionar no código o seguinte texto, logo depois da tag de <body>.
Se precisarem de ajuda: rumoantarctica@gmail.com


Nos Blogs do SAPO, colem o código num componente e depois activem o respectivo componente no separador Posições.
Posts recentes
Últimos comentários
Quando se deu o 25 de abril de 1974, disseram que ...
Os meus filhos estiveram la e ainda hoje, passado ...
Olá, Luís!Mais uma vez parabéns pela grande aventu...
Los muchachos
Gandas malucos!
Brutalíssimo, grande Pingú!!! :D:D:DMuito obrigada...
Luís, gostou? Espero que sim! Sugira! Beijinhos e ...
fantástica viagem e prémio totalmente merecido! mu...
Obrigada por partilhares isto!!!!! Comecei o meu d...
Galeria de Fotos
Blogs já com a nossa faixa de apoio!!
Vídeos
mais sobre mim
Arquivos
Redes sociais
facebook twitter
subscrever feeds